Leve sedução

3f72289547cc2f368c10f6d69acbd2eda201dc94

Sua respiração em meu ouvido me inebriava, me levando a um estado de êxtase jamais antes visto. Suas palavras confusas sussurradas em meio a busca de ar acelerada, que não puxava somente o ar mas a minha alma me fazia delirar mil vezes num loop insano.

Seu corpo colado no meu numa dança louca, fazendo sentidos que eu nem imaginei que tivesse serem ativados, me deixando em estado de alerta, com uma dose extra de adrenalina circulando pelas veias, atento a tudo, sobretudo aos seus olhares.

Suas mãos invadem meu corpo, e exploram cada pedaço do meu ser. Não é somente a pele que você toca, mas também o meu íntimo e meus medos. Com dedos leves você puxa meus sonhos e os mistura com as minhas angústias, me deixando num desespero sem controle.

Mas o que estou dizendo? Ela está ali, distraída conversando com suas amigas. Com seu cabelo sendo bagunçado pelo vento e o sol atrevido incomodando seus olhos. Minha menina, meu anjo, linda com suas roupas que dizem tanto sobre seu humor como o céu limpo diz sobre o dia. Tão delicada e meiga a maior parte do tempo, tão agressiva e selvagem em outros. Ela brinca comigo como um gato brinca com sua presa, enquanto decide se vai devorá-la ou descartá-la.

Passo o dia com você nos meus pensamentos, com você invadindo-me de dentro pra fora, expondo meus medos e desejos, me deixando em situações de risco e me fazendo tomar decisões rápidas ao longo da vida. Como uma sombra, sinto sua presença. Sei que está me esperando, sei que está me seguindo, sei que sabe o que eu penso e sobretudo sabes do que eu preciso.

Em casa, sei que és só minha. Meu tesouro, minha vida. Meu maior bem e minha maior armadilha. Não sei se ela é minha, mas com certeza sou dela. Aqui, no nosso conforto, os sonhos ganham vida, assim como os nossos monstros. Aqui não há pudor ou qualquer tipo de limite. Todos os segredos são revelados assim como todas as nossas fraquezas, ou pelo menos as minhas.

Seus olhos me hipnotizam e me levam até o seu apenas com sua doce voz sussurrada. Ah, como é bom ouvir seus sussurros. Como é bom me perder nesse veneno que é seu suor. Como é bom me entregar aos seus feitiços e condenar o que resta do meu ser a um castigo eterno, um castigo que pra mim é mais do que um privilégio. Pois se ficar ao seu lado for um castigo, me faça ser castigado pelo resto da minha vida miserável do que me privar de seus lábios por mais alguns minutos.

 

juhliana_lopes 24-12-2014

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s