Amante

sombra1

E então você aparece.

Com movimentos leves e envolventes,

Passos certos e um calor intenso,

enlaça seus braços delicados sobre meu pescoço,

e com movimentos sutis me puxa para junto de seu corpo.

Me largue!

Não quero o seu abraço, muito menos o seu beijo.

Não quero saber de seu feitiço!

Mas nada disso é capaz de te parar.

Novamente você vem,

como uma serpente se enrola em minha perna,

logo, está tomando meu ar,

me deixando sem jeito.

Saia! Não preciso do seu apreço,

muito menos dos seus carinhos.

Já é tarde, e eu não consigo me livrar,

você domina a situação,

agora jogando seu peso sobre meu corpo,

Me rouba mais um beijo demorado de meus lábios,

e sussurra em meu ouvido: “Faça”,

e então eu faço.

Quando amanhece, você já se foi,

e resta apenas eu e um corpo morto ao meu lado.

Doce loucura, que me perturba,

por que se aproveita assim de mim?

Não poderia me levar para o outro lado?

Me faça seu marido, cansei de ser seu amante.

 

juhliana_lopes 17-11-2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s