Apenas mortos

– Sério, de todas as situações, essa foi a última que eu pensei… Por mais que eu tente, não consigo lembrar onde erramos pra vir parar aqui…
– Agimos sem pensar como sempre, eu sabia que uma hora iria dar errado.

– Mas não é possivel.. Tinha tudo pra dar certo.. Se não fosse aquele maldito..
– O que eu mais quero é sair daqui e colocar minhas mãos no pescoço daquele desgraçado! Eu te disse que era má ideia deixar ele ir com a gente!

– Maldito seja o dia que confiamos nele.. Mal posso esperar para pegar ele e esfregar sua cara no chão… Mas antes precisamos sair daqui.. Que tal aquela janela, parece uma boa alternativa..
– Certo a janela, e vamos cortar como, com os dentes? Com os meus não vai ser, muito cigarro, meus dentes ja estão podres.

– Parece que aquele imbecil não é o único idiota por aqui… Você por acaso lembra que cada um tem um revolver aqui? Tah sem balas eu sei, mas da pra usar como porretes ainda..
– Olha quem fala, vamos lá pode tentar, quantas batidas serão necessárias? Muitas, e se você não sabe, ferro com ferro faz barulho, irão vir ver o que está acontecendo.

– Certo certo. Calado, acho que ouvi alguma coisa..
– O que poderão fazer ja estamos preso, a não ser que ele tenha uma chave pra abrir uma certa cela, pense em algo.

– Quieto, finja que esta dormindo, ele esta vindo pra cá com a chave.. eu tenho um plano..
– O que vai fazer? Se der errado novamente estamos ferrados!

– HAHAHAHAHAAHAHHAHAHAHA, uma pancada na cabeça sempre resolve tudo! agora porque ele abriu a nossa cela? acho que ia ver se estavamos mortos.. Também, com a comida que servem aqui, é pra morrer mesmo..
– E então seus pedaços de lixo, estão gostando da nova casa? Espero que sim, pois irão ficar por muito tempo aqui, terão que me aguentar todo dia, e eu prometo, irei fazer da vida de vocês um inferno! HAHAHAHAHAHA

– Chega de brincar com os guardas.. O nosso prometido deve estar no centro a essa hora. Vamos logo, não podemos perder tempo!
– Eu o distraio pegue a arma, de uma boa pancada e vamos dar o fora.

– Ei, você lembrou de pegar a chave do carro do delegado?
– Ainda bem que o velho é meio cego, peguei sim, so precisamos tirar esse estorvo da nossa frente.

– Dirige você, e passa por cima, eu fico de olho e atirando
– Certo, quando eu levantar, você bate no guarda e corremos, sei que tem um corredor que é vazio essa hora, vamos por ele, e rapidinho estaremos livre.

– Vamos, anda logo, CARAMBA DEIXA ISSO AI, vai ter mais facas onde vamos.. Estamos muito próximos da porta, temos que dar um jeito de voar até o centro agora! Vamos!
– Droga, droga, vire a esquerda, eles ja estão vindo, ali tem a saida…

– SÓ SE FOR O BURACO QUE EU VOU ABRIR NA SUA CABEÇA! Onde que tem saída aqui? Você tah vendo alguma? VOCÊ VAI FAZER ALGUMA AGORA? VOCÊ JÁ VIU O TAMANHO DESSES BLOCOS PRA GENTE QUEBRAR ELES NO MURRO???

Depois disso nada se ouviu, além de murros, gritos e uma explosão.
Mais uma delegacia destruída… Mais uma queima de arquivo…
Mas será que este é o fim?

(/juhliana_lopes e Eric Oliveira)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s